Viagem autocaravana dia D

LEVANTAMENTO DA AUTOCARAVANA: Após sair do trabalho, fui então buscar a autocaravana. Na Campervan, aguardavam por mim para assinar contrato, fazer uma inspeção da caravana para registar os riscos e batidas existentes na carinha, e deram-me uma explicação de como funcionam as águas e a eletricidade… 
Ao pegar no “bicho” (nunca tinha conduzido um veículo tão grande) a primeira impressão foi: Onde está o espelho retrovisor?!? R: Não existe, é compensado por espelhos laterais gigantes, mas a princípio causa assim uma certa impressão em não ver o que está na retaguarda, só se vê o que as lateriais deixam ver. De resto a condução não é muito diferente dos ligeiros, tendo só de fazer as curvas mais largas para que a roda de traz não bata nos passeios, é preciso um espaço de estacionamento maior, e é preciso maior espaço para fazer manobras simples… mas nada disso foi grande problema.

ARRUMAÇÃO DA CARAVANA: Começam os problemas e verifica-se a nobiçe dos artistas, que me leva aqui a criar a rúbrica “Erros comuns dos Nobs caravanistas” A caravana tem vários espaços para arrumação, mas já tinhamos arrumados as coisas todas nos sacos e malas! Claro que não faz sentido, não é um porta-bagagens de um automóvel.

#Erro 1: Arrumar tudo o que for possível nos armários da caravana e não levar malas e malinas e sacos…  

O espaço da autocaravana não é muito (contem as vezes que vou dizer isto ao longo desta rubrica) portanto tudo o que ocupa mais espaço do que o destinado nos armários, estorva: Malas para as camas quando queremos comer, malas para as cadeiras/mesas quando queros dormir… Portanto pode ser uma bocado chato esta dança das malas.